Marco Aurélio: Fiscalização H2O

Isabella Roldão: Diplomação CTs
janeiro 11, 2024
Náutico vs. Sharjah: Vaga Copinha
janeiro 11, 2024

Vereador do Recife Inicia Projeto “Cadê Minha Água?” para Fiscalizar Compesa

Marco Aurélio Filho, como presidente da Comissão de Direitos Humanos, busca garantir acesso regular à água nas comunidades periféricas

O vereador do Recife, Marco Aurélio Filho, deu início ao projeto “Cadê Minha Água?”, uma iniciativa que visa fiscalizar o calendário de abastecimento da Compesa nas comunidades periféricas da capital pernambucana. O primeiro local escolhido para a intervenção foi o bairro de Água Fria, na Zona Norte, onde o parlamentar visitou moradores na última quarta-feira.

A motivação para o projeto surgiu a partir das reclamações dos moradores nas redes sociais. Marco Aurélio Filho destacou a importância de atender cada solicitação e monitorar de perto a realidade dos habitantes dessas áreas. “O calendário da Compesa diz que hoje seria dia de água, mas as casas das pessoas não têm. Se a conta chega todo mês, a água precisa chegar”, afirmou o vereador.

Durante a visita, o parlamentar ouviu relatos preocupantes, como o da aposentada Marilene Figueiredo da Silva, de 70 anos, que afirmou estar sem água há dias, mesmo com a conta em dia. Diante dessa situação, Marco Aurélio Filho, também presidente da Comissão de Direitos Humanos e Cidadania da Câmara do Recife, anunciou que enviará um ofício formal à Compesa, solicitando explicações e ações imediatas para resolver o problema que afeta as famílias da região.

“A água é um direito básico. Desde 2010, a Organização das Nações Unidas (ONU) reconheceu o direito à água limpa e segura como um direito humano essencial. Não podemos aceitar que a falta desse recurso perdure nas áreas periféricas do Recife. Vamos cobrar medidas concretas para garantir o abastecimento regular nas comunidades”, enfatizou o vereador.

O projeto “Cadê Minha Água?” foi um desdobramento de uma audiência pública realizada por Marco Aurélio Filho no ano anterior na Câmara Municipal do Recife, que revelou o “Calendário do Desabastecimento” nas áreas periféricas da cidade. A fiscalização continuará em diversas localidades da capital pernambucana, acompanhando de perto as condições de abastecimento e pressionando o governo do Estado a implementar soluções eficazes para o problema. Adicionalmente, foi criada uma Subcomissão Hídrica e de Saneamento para fiscalizar as ações da Compesa, reforçando o compromisso do vereador com a defesa dos direitos da população e a busca por uma cidade mais justa e equitativa.

Fotos: Divulgação

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *